O gênero terror é um dos meus favoritos. Então, já podem perceber que eu curto o Halloween. Entretanto, assim como os demais gêneros, contém subgêneros. Ou seja, não há apenas um tipo de terror, há diversos. Com o hibridismo de gêneros e os diversos temas, pode dividí-lo em alguns subgêneros. No artigo de hoje, enumerarei os meus gêneros preferidos e dicas de filmes em cada gênero para você curtir o Halloween.

1. Sobrenatural

Esse gênero é, atualmente, um dos mais utilizados sob os temas de exorcismo e de atividades paranormais. São filmes que utilizam religiosidade para explicar eventos sobrenaturais ou atividades de cunho espiritual e experiências com seres e espíritos de outros planos. Temos diversos filmes nesse subgênero, como o recente Amizade Desfeita. Indico Sobrenatural (Insidious). Contado em 3 partes, apenas as duas primeiras valem a pena e elas são complementares. Tudo começa com a procura a espírita Elise por Josh e Renai para ajudar seu filho. Os dois filmes devem ser vistos em sequência.

Sobrenatural (Insidious Chapter 1 e 2)

Direção: James Wan

Elenco: Patrick Wilson, Rose Byrne

2. Zumbis

Uma apocalipse zumbi é um dos temas mais falados nos últimos anos. Há pessoas, como um prefeito no interior dos EUA, que acreditam que isso acontecerá. Se é possível ou não, o fato é que zumbis fascinam o imaginário dos fãs do terror. Não é à toa que os quadrinhos The Walking Dead é sucesso também na televisão. Para esse tema eu indico A Madrugada dos Mortos (Dawn Of The Dead). O filme homenageia o filme O Despertar dos Mortos. Muito sangue, muitos zumbis e todos os personagens presos dentro de um shopping center. Além disso, por vezes você pode rir dos exageros do filme.

A Madrugada dos Mortos (Dawn of The Dead)

Direção: Zack Snyder

Elenco: Sarah Poley, Ving Rhames

3. Gore

Também é conhecido como splatter. Nessa tipologia de filmes é usada uma violência gratuita e o exagero nos efeitos. É comum ter cenas de vísceras saindo ou personagens sofrendo torturas, sendo mutilados. Tudo aos olhos dos espectadores. Enquanto filmes sobrenaturais, a ameaça é desconhecida, nos filmes gore elas são visíveis. Inclusive os corpos dilacerados dos personagens. Pelo exagero, muitas vezes o gore se mescla com comédias e outras vezes, alguns filmes se enquadram em cinema trash. Para este tema, eu indico O Albergue (Hostel), de Eli Roth. Na trama, 3 jovens mochileiros na Europa vão até Bratislavia buscar mulheres e sexo, porém encontram mortes. Ótimo filme para um noite de horror, com muito sangue, muitas mortes e mutilações. Além disso, um pequeno road movie, com cenas em cidades europeias.

O Albergue (Hostel)

Direção: Eli Roth

Elenco: Jay Hernandez, Derek Richardson

4. Slasher

O filme ganhou novas roupagens nos anos 90 por conta de Wes Craven. Famoso nos anos 80 com filmes como O Massacre da Serra Elétrica e Halloween, slasher atualmente é um dos subgêneros de grande êxito no terror. Com séries na tv e franquias de sucesso como Pânico e Jogos Mortais. A história – muitas vezes – gira em torno de jovens fugindo de um serial killer, com alguma fantasia ou máscara que o caracterize, como exemplo ghostface de Pânico e Freddy Krueger de A Hora do Pesadelo. Há excessões da regra, filmes como O Silêncio dos Inocentes e Seven, que utilizam outra abordagem no tema de serial killers. Dentre alguns dos filmes de serial killers está Identidade. Thriller misturado com horror psicológico e um ótimo plot twist.

Identidade (Identity)

Direção: James Mangold

Elenco: Ray Liotta, John Cusack

5. Psicológico

Este é um dos subgênero de êxito do gênero. Esse tipo de filme não enfatiza nem destaca mortes, mas sim a iminência e o suspense. Não há uma ameaça real ou mortes violentas. O que causa o horror é a tensão presente no conflito entre os personagens. Para um terror psicológico é necessário um bom roteiro e atores bem afinados com o gênero. Um grande exemplo de filme é O Iluminado (The Shinning), de Stanley Kubrick, que é na minha opinião, o melhor filme de terror psicológico. Entretanto, é um filme que todos conhecem. Minha intenção é dar outras opções aos grandes clássicos. Indicarei A Órfã, que também é um filme conhecido, porém uma opção distinta. Para quem não conhece, narra a vida de uma família que muda após adotarem uma menina. E pronto! Qualquer outra informação será um spoiler de um dos filmes com um dos melhores plot twists.

A Órfã (The Orphan)

Direção: Jaume Collet-Serra

Elenco: Vera Farmiga, Peter Saarsgard

BÔNUS

O Segredo da Cabana, de Drew Goddard

O filme é uma homenagem aos grandes filmes do gênero, com referências e sem humor, os espectadores vão rir das situações clichês e dos arquétipos dos personagens. Uma grande homenagem ao gênero, principalmente ao grande filme Evil Dead.

Espero que tenham um bom Halloween e que curtam os filmes…

Thais Nepomuceno
Fã efusiva do cineasta Alexander Payne, cultiva um sonho cinematográfico: um dia, John Cusack aparecer na janela de seu quarto, segurando um boombox no alto, tocando "In Your Eyes" (assim como no filme "Say Anything"). Thais Nepomuceno é produtora cultural, com especialização em cinema. Durante um ano estudou produção cinematográfica na ESTC em Lisboa, onde produziu o curta-metragem “Chronos” da diretora portuguesa Joana Peralta. Antes de sua formação no exterior, Thais já havia colaborado em sites de cinema, participado de curadorias em cineclubes e estagiado na TV Brasil. Foi quando dirigiu e produziu o curta-metragem "A View To A Kill - the Director's Cut". O filme já participou de festivais universitários e exibições em cineclubes. Esta pequena produção, com custo zero, feito a partir da colaboração de seus amigos é uma grande brincadeira com os clichês do terror adolescente; auto-definido como freshy trashy movie. Atuou na coordenação de pós-produção da TV Globo e agora está realizando seu mestrado em Formatos e Conteúdos Audiovisuais, na Universitat de Valencia (Espanha). E não fale mal do Leonardo Dicaprio perto dela.

2 COMENTÁRIOS

DÊ SUA OPINIÃO