Segunda-feira pós feriadão. Não sei você, mas a primeira coisa que eu penso quando acordo é no tamanho da minha to do list pra compensar os dias de folga.

Como já conversamos anteriormente, empreendedor não é só aquele cara que larga tudo pra abrir uma empresa, mas é a pessoa que procura inovar sempre na sua maneira de trabalhar. Dito isso, resolvi listar (criativos adoram listas) 5 dicas pra você se manter produtivo nessa volta de feriadão (e pra guardar até o fim do ano, porque 2015 tá uma lindeza de feriados ♥).

Vamos a elas?

  1. Mantenha sua rotina

Volta de feriado a gente ta sempre mais devagar do que de costume. Então a melhor coisa a fazer é manter a rotina. Acordar na hora de sempre (quanto mais cedo, melhor), fazer exercício físico, tomar um bom café da manhã, ler o jornal… sei lá o que você faz de manhã, mas faça. Mesmo com preguiça, com jet lag ou com ressaca alimentar, keep your routine!

Se você não tem uma rotina matinal, está na hora de começar a ter. Principalmente se você trabalhar em casa (voltaremos a esse assunto em breve). Ter uma rotina melhora e muito na sua produtividade, na sua organização e na sua capacidade de cumprir prazos, porque você aprende direitinho quanto tempo precisa pra cada tarefa que deve desenvolver.

Não tem ideia de como começar a ter uma rotina? A Revista Exame dá 5 dicas nesse link aqui.

  1. Organize sua mesa

Sim, organização é tudo nessa vida de empreendedor. E o seu local de trabalho precisa ser o primeiro a estar no lugar. Procure começar seu dia organizando a mesa de trabalho. Deixe por perto todas as coisas que você pode usar (canetas, papeis, agenda, calendário, documentos, pastas, post-its, qualquer coisa), assim você não vai ter que se levantar a cada vez que precisar de um documento, pen drive ou caneta colorida.
O site da empresária norte-ameriana Martha Stewart apresenta algumas ideias de como deixar sua mesa de trabalho bem organizada.

  1. Faça uma lista de prioridades

Todos nós temos uma lista imensa de atividades pra cumprir até determinado prazo dentro de um projeto e escrevê-las ajuda muito na hora de mensurá-las e de calcular quanto tempo precisamos para dar conta de todas. Por isso, destaque sempre 3 prioridades por dia. A melhor maneira de finalizar um trabalho grande é dividindo em partes menores e estabelecer 3 tarefas prioritárias por dia é o ideal pra conseguir cumprir todas. Escolha em ordem de importância (de todas as minhas tarefas, quais eu preciso terminar primeiro?) e as coloque da mais fácil para a mais difícil, assim você tem mais tempo pra fazer o que demora mais.

  1. Comece o dia com uma dose de inspiração

Inspiração é um assunto bem subjetivo, cada pessoa funciona de um jeito nesse aspecto (e se você se lembra do que eu falei na semana passada sobre autoconhecimento, já sabe exatamente o que te inspira). Então assista a um vídeo (que sabe um dos maravilhosos Ted Talks?), veja obras de arte, ouça um disco novo, dê um passeio no parque ou na praia, pinte, fotografe, escreva. Faça algo que te encha de inspiração e motivação. Isso vai te ajudar a aumentar seu baú mental de referências e vai te renovar o ânimo.

  1. Evite a procrastinação

Tome cuidado na dose de inspiração pra não se distrair e acabar perdendo a manhã – ou o dia inteiro – fazendo coisas que não vão te ajudar em nada. Procrastinar é deixar pra depois o que precisa ser feito agora. E você não vai querer perder o prazo de um projeto porque ficou vendo Ted Talks (por melhores que sejam – e são!) ou até mesmo vídeos de gatinhos fofos. Tire momentos no seu dia pra relaxar e assistir a vídeos ou ler artigos que te relaxem e/ou que te aumentem o conhecimento, mas não passe o dia inteiro fazendo isso e trabalhando nos intervalos. Evite ao máximo as atividades e gadgets que te tirem a concentração. Foque no trabalho e tenha momentos para relaxar ao longo do dia. Assim você não deixa de olhar o facebook, mas também não embola sua time sheet.

A Época Negócios lista aqui 10 dicas pra evitar a procrastinação.

E por fim, pra garantir que tudo vai correr bem, uma dica de ouro: se joga na Técnica Pomodoro. Nunca ouviu falar? Não, não tem a ver com cozinhar. A técnica Pomodoro é um gerenciador de tempo baseado em intervalos de produtividade. Você estabelece uma tarefa que precise ser realizada, coloca o alarme pra despertar em 25 minutos (chamados de pomodoros) e foca totalmente naquilo até o alarme tocar. Daí faz uma pausa de 5 minutos pra arejar as idéias e pensar em alguma solução que passou despercebida. Ao final dos 5 minutos, você volta para o foco total no trabalho em mais 25 minutos. E assim por diante até terminar aquela tarefa. Lembre de fazer pausas maiores a cada 4 pomodoros (25 minutos). Tipo uns 15 ou 20 minutos de pausa a cada hora. Isso vai aumentar consideravelmente a sua capacidade de concentração e vai te mostrar quanto tempo você precisa pra realizar cada tipo de atividade relacionada ao seu trabalho.

Escolha alguma (ou algumas) das técnicas acima, teste e depois me conte o resultado aqui nos comentários? Vou adorar trocar essa experiência com vocês.

Amadores sentam e esperam pela inspiração, o resto de nós simplesmente levanta e vai trabalhar. -- Stephen Kingk
Amadores sentam e esperam pela inspiração, o resto de nós simplesmente levanta e vai trabalhar. — Stephen King

Poster feito aqui.

Renata Coelho Soares de Mello
Produtora cultural. Fotógrafa. Metida a poetisa. Exploradora. Curiosa. Criativa. Renata é daquelas que faz tudoaomesmotempoagora. Uma de suas maiores paixões é cair no mundo. Aproveita suas viagens pra absorver outras culturas e aprender como as pessoas se relacionam com suas cidades. Formada em Produção Cultural pela UFF, atuou em diversos segmentos até descobrir que seu caminho era empreender. Hoje, pós-graduanda em Turismo na UFF (sua segunda casa), está à frente do projeto Explore Niterói e vai compartilhar um pouco das suas pesquisas sobre turismo cultural, cidades e pessoas. Prontos pra fazer as malas?

5 COMENTÁRIOS

  1. Que ótimo, Patricia!

    Você já tinha um ritmo bem dinâmico, já conhecia seu limite e qual a melhor forma de estudar. Isso é muito bom, porque você vai sempre aprimorando.

    Testa a Pomodoro e depois conta aqui pra gente se funcionou também 🙂

  2. Tava precisando disso. Bem interessante. Fazia algo parecido com essa técnica Pomodoro quando estava estudando para a OAB, mas não exaramente assim. Não conhecia essa técnica. Na verdade eu sabia em média quantas páginas consegui ler por minuto e colocava o timer para ajudar a manter essa média ou simplesmente estabelecia que ia estudar x horas, tirava celular, PC e coisas que pudessem distrair de perto e colocava o timer

    Adorei! Vou tentar a técnica

DÊ SUA OPINIÃO